A Grande Cidade - Um Retrato de Paris No Começo do Século XIX

A Grande Cidade - Um Retrato de Paris No Começo do Século XIX - Kock,Paul De | Tagrny.org Leia o livro. direto no seu navegador. Baixe o livro. da existência em formato PDF, TXT, FB2 no smartphone. E muito mais em tagrny.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Kock,Paul De
DIMENSÃO
3,34 MB
NOME DO ARQUIVO
A Grande Cidade - Um Retrato de Paris No Começo do Século XIX.pdf
ISBN
6352516974474

DESCRIÇÃO

Em “A Grande Cidade – Novo Quadro de Paris – cômico, crítico e filosófico”, de 1842, Paul de Kock descreve, em contos e crônicas às vezes muito curtos, aquilo que via ocorrer na cidade, que passava grandes transformações. O livro ganhou uma tradução em português, ainda no século XIX, de autoria do luso J. A. Xavier de Magalhães, tradução essa que – resgatada do esquecimento – foi revista, complementada e atualizada por José Roberto Fernandes Castilho, professor de Direito Urbanístico da FCT/Unesp, que a enriqueceu com mais de uma centena de notas explicativas. A publicação mantém algumas ilustrações do original, feitas por grandes pintores e desenhistas como Daumier, Victor Adam e Gavarni, dentre outros.

do mundo. A década que termina o século XIX ...

Economize comprando em lojas confiáveis! Desde a célebre vista do Boulevard du Temple, em Paris, captada em 1838 por Daguerre, até aos postais e álbuns ilustrados com vistas da cidade que proliferaram no início do século XX, a imagem da cidade tem sido recorrentemente perspetivada através da objetiva fotográfica, como o atesta a vasta bibliografia nesta categoria que poderíamos designar por "fotografia da cidade": de ... Em meados do século XIX, mais precisamente entre 1853 e 1870, Paris passou por uma profunda reforma urbana, responsabilidade do barão Georges-Eugène Haussmann (1809-1891), prefeito da cidade durante o governo de Napoleão III, sobrinho de Napoleão Bonaparte. Produto NovoEm "A Grande Cidade - Novo Quadro de Paris - cômico, crítico e filosófico", de 1842, Paul de Kock descreve, em contos e crônicas às vezes muito curtos, aquilo que via ocorrer na cidade, que passava grandes transformações. O livro ganhou uma tradução em português, ainda no século XIX, de autoria do luso J.

LIVROS RELACIONADOS