A Criança Instável - Abordagem Clínica e Terapêutica

A Criança Instável - Abordagem Clínica e Terapêutica - Berger,Maurice | Tagrny.org Temos o prazer de apresentar o livro. . Baixe o livro. em PDF, TXT, FB2 ou qualquer outro formato possível em tagrny.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Berger,Maurice
DIMENSÃO
11,45 MB
NOME DO ARQUIVO
A Criança Instável - Abordagem Clínica e Terapêutica.pdf
ISBN
4753441495948

DESCRIÇÃO

Há várias teorias que se confrontam para afirmar a origem genética, neurológica ou psicológica desta perturbação. Maurice Berger propõe um retorno à clínica, a partir do acompanhamento familiar e individual de 60 crianças instáveis a quem foram prestados cuidados de longa duração. Sem excluir eventuais factores neurofisiológicos, este trabalho permite discriminar vários subgrupos de crianças instáveis, em função da sua história familiar e relacional precoce e avançar novas hipóteses sobre os processos psíquicos que estão em jogo no que constitui uma verdadeira patologia do movimento: ambiente precoce deficiente, necessidade de controlar o outro, procedimentos autocalmantes, (presença flutuante) de um inimigo.O autor distingue três modalidades terapêuticas específicas, utilizadas em função da capacidade da criança em utilizar a palavra numa relação dual ou grupal, e em função da forma como a hipercinesia pertuba a ralação com outrem. Cada um desses dispositivos - psicoterapia individual com construção de uma narrativa, prestação de cuidados em grupo, ou psicomotricidade – tem de incluir uma certa carga de motricidade que deve ser canalizada, senão a criança em cada beneficia.Fruto da primeira investigação francesa empreendida sobre este tema por um psicanalista, em colaboração com duas psicomotricistas, esta obra interessa a todos os profissionais da infância: pediatras, psiquiatras, psicólogas, pedagogos, educadores ou reeducadores.

a partir de R$ 33,81. ou 3x de R$ 11,27 em 2 lojas. A Criança Instável Livro.

Os problemas na relação pais-filhos têm um impacto na apresentação e manutenção do comportamento desadaptativo da criança, portanto, o envolvimento dos pais no tratamento é um componente lógico que não deve ... Mais de um século desse modelo, como prática hegemônica na educação de surdos, resultou que apenas uma parcela mínima de surdos conseguiu desenvolver uma forma de comunicação sistematizada, seja oral, escrita ou sinalizada, e a maioria foi excluída do processo educacional ou perpetuou-se em escolas ou classes especiais, baseadas no modelo clínico-terapêutico. CASO CLÍNICO: AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA DE UMA CRIANÇA COM CAPACIDADE LÚDICA INIBIDA (2007) Camilla Volpato Broering Grazielle Rocha França Universidade do Vale do Itajaí, Brasil Email: [email protected] RESUMO No contexto psicoterápico a criança brinca, verbaliza, desenha, dramatiza e expressa seus Campbell e Simmonds (2011), ao explorar as perspectivas de 63 terapeutas acerca da aliança terapêutica com crianças, descreveram a importância de fornecer um feedback inicial, aos pais, sobre o comportamento do seu filho ou filha, podendo ajudá-los na mentalização "da mente da criança", que é a capacidade de representar o comportamento de si e dos outros, em termos de estados mentais ... E SUAS IMPLICAÇÕES TERAPÊUTICAS 2015 Ana Paula Sesti Becker ... psicológica, feita com propósitos clínicos, e, ...

LIVROS RELACIONADOS