Discriminação Múltipla Como Discriminação Interseccional - As Coquistas do Feminismo Negro...

Discriminação Múltipla Como Discriminação Interseccional - As Coquistas do Feminismo Negro... - Silva,Rodrigo | Tagrny.org Temos o prazer de apresentar o livro. . Baixe o livro. em PDF, TXT, FB2 ou qualquer outro formato possível em tagrny.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Silva,Rodrigo
DIMENSÃO
10,70 MB
NOME DO ARQUIVO
Discriminação Múltipla Como Discriminação Interseccional - As Coquistas do Feminismo Negro....pdf
ISBN
2023642222934

DESCRIÇÃO

A necessidade deste trabalho é evidente, dada a perpetuação das desigualdades entre nós, alimentadas e mantidas pela interseccionalidade da discriminação. Ao fazê-lo, nosso autor se associa aos esforços de outros pesquisadores e operadores do direito, visando à consolidação do Direito da Antidiscriminação no Brasil. Estar irmanado nessa construção coletiva é motivo de júbilo e incentivo para todos nós que, como ele, respondemos a esse chamado. Receber esta contribuição teórica, vinda de alguém que a ela associa a prática da advocacia, é também motivo de alívio para todos que padecem a injustiça da discriminação múltipla.

Central de Atendimento. Utilize nosso FAQ, chat online ou email para solucionar suas dúvidas. Dentre as vertentes do Movimento Feminista, existe aquele que foca nas especificidades próprias das mulheres negras, denominado de Feminismo Negro.No Brasil, essa vertente teve início propriamente na década de 1970 com o Movimento de Mulheres Negras (MMN), a partir da percepção de que faltava uma abordagem conjunta das pautas de gênero e raça pelos movimentos sociais da época. O propósito do feminismo interseccional é ouvir diferentes tipos de feministas, alertando para o fato de que as experiências de vida se baseiam no modo como as suas múltiplas identidades se misturam.

[1] A forma como estes se relacionam entre si é chamada de ... homens negros. Surge da crítica feminista negra às leis antidiscriminação subscrita às vítimas do racismo patriarcal.

LIVROS RELACIONADOS